15 de dezembro de 2015

In a 'fuck it' tipe of mood



Acabei de levar uma chapada de luva branca da vida e não estava, de todo, preparada para isso. Tenho vivido uma sucessão de noites sem dormir, com a cabeça e o coração à pancada no meio de um ringue. Num espaço de poucas semanas, as minhas certezas viraram incertezas, os meus 'nunca mais' transformaram-se em 'espero que um dia' e os meus 'fantasmas' (finalmente) foram embora. Que mania a minha esta de pensar que, aqui dentro, tenho sempre tudo controlado!! Vejo-me a recordar bons momentos da minha vida que pensei terem sido extintos pelo ódio e pelo rancor, e o pior é que me sinto feliz ao fazê-lo: as gargalhadas, os sorrisos, os olhares, as brincadeiras. Mas ... porquê (só) agora? Eu sei lá. Só sei que estou a um milésimo de segundo de ficar maluca, não sou pessoa para lidar com tanto drama sentimental. Está na hora de matar, de uma vez por todas, alguns sentimentos ... ou trazê-los de volta, antes que se percam para sempre. 

Sem comentários:

Enviar um comentário